Pais brilhantes, Professores fascinantes

Título da obra: “ Pais brilhantes, Professores fascinantes” de Augusto Cury.

Estou viajando na obra de Augusto cury cujo título é pais brilhantes, professores fascinantes que se refere a educação inteligente, formando jovens pensadores dividida em seis grandes partes excelentes.

Augustu Cury é um grande escritor brasileiro, psiquiatra, e pesquisador de psicologia. Ele é professor de pós- graduação e conferencista em congressos nacionais e internacionais.

Neste livro pais brilhantes, professores fascinantes o autor apresenta-nos ferramentas importantes para promover a formação de pensadores, educar a emoção, expandir os horizontes da inteligência e produzir qualidade de vida. Neste sentido ele nos dá a conhecer alguns temas fundamentais que me chamou muita atenção no qual quero partilhar convosco, temas esses tais como:

  • Os setes hábitos dos pais brilhantes, os setes hábitos dos professores fascinantes, os sete pecados dos educadores, as dez técnicas pedagógicas que podem revolucionar e no fim a sala de aula e a de casa.

De entre esses temas eu tive a oportunidade de ler a primeira parte que se refere aos sete hábitos dos bons pais e dos pais brilhantes. Nesta parte o autor apresenta-nos os sete hábitos dos bons pais e dos pais brilhantes em que ele diz que bons pais dão presentes aos seus filhos e pais brilhantes dão seu próprio ser, bons pais nutrem o corpo e pais brilhantes nutrem a personalidade, bons pais corrigem os erros, pais brilhantes ensinam a pensar, bons pais preparam os seus filhos para os aplausos, pais brilhantes preparam seus filhos para o fracasso, bons pais conversam com seus filhos e pais brilhantes dialogam como amigos, bons pais dão informações, pais brilhantes contam histórias e no fim desta parte o autor diz que bons pais dão oportunidades e que os pais brilhantes nunca desistem dos seus filhos.

Também o autor diz que o hábito dos pais brilhantes contribui para desenvolver em seus filhos, a auto-estima, capacidade de trabalhar perdas e frustrações, de dialogar entre outros. Ele explicita também que bons pais sempre atendem os desejos dos seus filhos dentro das suas condições como por exemplo fazem festas de aniversário, compram vestuários, proporcionam viagens etc, enquanto os pais brilhantes dão algo incomparavelmente mais valioso aos filhos. Algo que nenhum dinheiro do mundo pode comprar como por exemplo o seu ser, a sua história, as suas experiências, as suas lagrimas e o seu tempo. Entretanto os pais que vivem em função de dar presentes para seus filhos são lembrados por um momento. Os pais que preocupam-se em dar a sua história aos seus filhos se tornam inesquecíveis. O autor pede aos que querem ser pais brilhantes de falarem sobre o seus dias de tristezas, alegrias, as dificuldades em fim tudo, para eu tenhamos a consciência que educar é penetrar um mundo na do outro. Concluindo digo-vos que o autor apresenta-nos, dá-nos, vários conselhos, informações, teorias de como ser um excelente educador, bom se queres saber mais leia para aprender e descobrires que tipo de educador tu és.

 

Reflexão: Sem dúvida nenhuma digo que gostei imenso desta obra, e afirmo com muita certeza que ela é uma das melhores obras que já li até então. As ideias, as teorias, as ferramentas apresentados pelo autor para ser um bom educador me tocaram profundamente no qual me fez reflectir muito na educação que os meus pais, professores a sociedade em general me favorecem ou favorecem aos meus irmãos, me fez descobrir se os meus pais são bons pais ou pais brilhantes, e se os meus professores são bons professores ou professores fascinantes, contudo terei uma conclusão.

Este livro com certeza me ajudará a fazer diferença entre educar e ensinar, isto uma vez que pretendo ser professora daqui a dois anos para educar os meus alunos e também quando eu ser mãe saber como educar os meus filhos, pois eu quero ser uma mãe brilhante e uma professora fascinantes. E assim para exercer essa função da melhor forma possível guardei na minha caixinha de memória o verdadeiro significado de educar, tais como: educar é ter esperança no futuro mesmo que o presente nos decepcione. É semear com sabedoria e colher com paciência. É ser um garimpeiro que procura os tesouros do coração pois educar é praticar a mais bela e complexa arte da existência.

 

 

 

Keila de Jesus Andrade Correia.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s