O brasileiro Soares de Luís de Magalhães Capítulo #2

Neste capitulo, um velho negociante da região, conhecido por toda a vizinhança, e com fama de sugar os pobres, O senhor Pinto, foi ter com o Soares um dia após a leitura do testamento, para tentar inteirar da situação após a morte do tio do soares, e este, o soares, com toda a sua inocência, contou o que tinha acontecido, deu o testamento para o velho ler, e depois, sem mias nada, o velho Pinto, aconselhou o Soares a roubar do pobre herdeiro já que ninguém o conhecia. Soares ficou muito desapontado que até quis bater nele, mas que, com gritos de aflição, uma multidão juntou-se dentro da loja que o Soares já não fez o que queria fazer com o pinto. Soares ficou muito irritado como conselho do senhor que ele acreditava ser honesto.

REFLEXÃO: por mais pobre, por mais decepcionado que uma pessoa esteja, nunca fazer algo que possa fazer com que seja apontado o dedo. Assim como o Soares fez: lutou contra a avareza do Pinto e continuou de cara erguida, mesmo decepcionado e coma sua dignidade elevada.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s