“o outro extremo da linha” – Longe de casa – Walter Tevis

 

Essa história começa num dia em que George Bledsoe estava com uma grande ressaca e pegou no telefone para fazer um telefonema e cometeu um erro simples, marcou o seu próprio número. George sentiu que tinha cometido um erro mas de uma forma inexplicável o telefone tocou e alguém do outro lado da linha atendeu. Espantado George perguntou quem era e a voz respondeu: “Daqui é George Bledsoe.” George não sabia o que fazer e estava prestes a desligar o telefone quando a voz o ordenou que pegasse no bloco e na caneta e começasse a escrever umas coisas, mas ele não o queria fazer mas viu-se tentado a acatar essa ordem. A voz falava-lhe do futuro, do dia 9 de Outubro. Segundo a voz ele estava a bordo de um navio a 28 milhas e a dois meses de distância de George. A voz deu-lhe os nomes de alguns cavalos que venceriam as corridas futuras, o nome de uma equipa de basebol que ganharia o campeonato do mundo entre outros nomes, depois desligou. A fim de 5 semanas George tornou-se milionário devido aos nomes que a voz lhe dera. Na última semana George ganhou um barco muito luxuoso. Uma semana mais tarde recebeu uma chamada da companhia de telefone perguntando se queria continuar com o serviço terra-mar e respondeu afirmativamente e pediu para que trocassem o número para o seu número antigo: BE-8-5883. Quando ganhou a aposta com o ultimo cavalo da lista alugou uma limusina e seguiu com duas jovens para o seu barco. Era 9 de Outubro, passaram o dia bebendo e comemorando ate que George começou a pensar no que a voz lhe dissera, que estava a bordo de um navio no dia nove de Outubro, sabia que nesse dia receberia uma chamada de si mesmo. Passado algum tempo ficou nervoso e queria receber logo aquela chamada mas estava demorando demais, foi quando pegou no telefone e ligou pro seu número. Uma mulher atendeu e George intrigado perguntou se era do número: BE-8-5883, e a mulher respondeu que sim e identificou-se como sendo a mulher de Arthur Cavanaugh. George perguntou se o senhor Bledsoe estava mas a mulher respondeu que não, que o corpo do mesmo tinha sido encontrado nú dois meses atras no Golfo a mil milhas de distância. Sem reacção perguntou se o mesmo tinha ido no seu barco particular e a mulher disse que George era um homem pobre e que nunca teve um barco. Frustrado começou a dizer palavrões e desligou na cara da senhora. Depois ligou para a operadora perguntando se tinha alguma chamada para si, a operadora respondeu positivamente e disse que a chamada tinha sido feita do seu próprio número, George pediu que a operadora fizesse a chamada novamente mas a mesma respondeu dizendo que tinha de esperar que a pessoa ligasse novamente porque quando o fez a linha estava ocupada. Desesperado ordenou que ligasse novamente mas sem sucesso, então começou a pensar que nada o que possuía fora realmente seu e que ele nunca o poderia ter.

Reflexão: depois de ler esse texto cheguei a conclusão de que quando a esmola é grande o santo desconfia como se costuma dizer. No caso do senhor Bledsoe ele tornou-se milionário praticamente do dia para a noite e de forma duvidosa. Cheguei a conclusão ainda de que devemos ser pacientes e esperar, se alguma coisa tiver de acontecer irá acontecer cedo ou tarde.

 

Etson Andrade

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s